Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Domingo, 27 de Maio de 2018





Sérgio Cabral deve ficar duas décadas preso em regime fechado
Ex-governador é acusado por corrupção e lavagem de dinheiro


16 de Junho de 2017 - 11:16           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

Sérgio Cabral deve ficar duas décadas preso em regime fechado

 
 
Preso desde novembro do ano passado, o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), tem se revelado imbatível em quebrar recordes.

Nenhum político brasileiro tornou-se alvo de tantas ações penais (ele cravou dez) na operação Lava-Jato. Até agora também não apareceu ninguém que teve o próprio bolso tão generosamente irrigado pelo propinoduto — os procuradores recuperaram mais de 300 milhões de reais em quinze contas no exterior que, embora em nome de doleiros, são de Cabral.

Na última terça 13, ele deu mais um passo em direção ao topo do ranking da vergonha. O juiz Sérgio Moro o condenou a 14 anos e dois meses de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

“Ainda tem muita coisa para vir por aí”, antecipou a VEJA um procurador envolvido nas investigações no Rio de Janeiro. O desenrolar de novos fios do engenhoso esquema de corrupção fluminense aponta para contratos selados entre o governo e empresas de comunicação e prestadores de serviços nas áreas de saúde e educação.

Com base nas dez denúncias oferecidas pelo Ministério Público Federal, VEJA ouviu advogados criminalistas e procuradores para projetar o futuro penal do ex-governador, que de róseo não tem nada. Se mantida a dosimetria média adotada pelo juiz paranaense nos demais casos, Cabral seria condenado a 140 anos de prisão e só poderia tentar progressão para o regime semiaberto ou até aberto depois de 23 anos de cadeia.










Plantão

.
26/05/2018 - 15:36   Caminhoneiros continuam protesto de forma pacífica em Mato Grosso do Sul
26/05/2018 - 15:21   Preso em batalhão dos bombeiros, Azeredo tem comida especial
26/05/2018 - 15:18   Miss Brasil 2017 diz que nova vencedora precisa ter ´gingado, brilho e borogodó´
26/05/2018 - 15:15   Com 66% dos votos, Irlanda decide pela legalização do aborto
26/05/2018 - 15:07   Seleção recebe familiares na Granja, e Marquezine visita Neymar
26/05/2018 - 14:02   Após negar redução do ICMS, governador se diz “a disposição das categorias”
26/05/2018 - 09:27   Festival América do Sul Pantanal movimenta Corumbá até domingo
26/05/2018 - 09:25   De topless, Bruna Marquezine deixa tatuagem a mostra em foto
26/05/2018 - 09:22   Homem é morto com facada nas costas enquanto escolhia músicas em bar
26/05/2018 - 09:20   Governo publica decreto que autoriza uso das Forças Federais
26/05/2018 - 09:19   Mega-Sena acumulada pode pagar prêmio de R$ 10 milhões neste sábado
26/05/2018 - 09:18   Homem é morto a tiros durante tentativa de assalto
26/05/2018 - 09:17   Soldado do Exército é preso acusado de furto de bicicleta
26/05/2018 - 09:15   Novoperário e Corumbaense buscam vagas na 2ª fase do Brasileiro
26/05/2018 - 09:14   Indígena é executado a tiros em plena luz do dia e polícia investiga
26/05/2018 - 09:13   Hospital Cassems cria oportunidades para jovens em situação de risco
25/05/2018 - 20:15   Itaporã fará ação mobilizadora no Dia Mundial sem Tabaco
25/05/2018 - 20:00   Itaporã fica sem transporte universitário até final da greve dos caminhoneiros
25/05/2018 - 14:43   Em reunião inédita, governador ouve demandas de cada um dos segmentos industriais do Estado
25/05/2018 - 12:35   Governo usará Exército para desobstruir rodovias, diz fonte
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!