Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Terça-feira, 11 de Dezembro de 2018





Sejusp responde a notificação e garante reparos em pelotão
Há mais de um ano 4º Pelotão da Polícia Militar está sem telhado


11 de Janeiro de 2018 - 16:00           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

Sejusp responde a notificação e garante reparos em pelotão

 
 
A Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul (Sejusp), em resposta a notificação que o governo recebeu na manhã de hoje (11), declarou que as obras do 4º Pelotão de Polícia Militar, em Camapuã, já foram licitadas e a ordem de início está autorizada. De acordo com a contrapartida da Sejusp, a previsão é que até o fim da próxima semana a empresa inicie os reparos necessários na infraestrutura da unidade.

A Associação e Centro Social de Policiais Militares e Bombeiros Militares de Mato Grosso do Sul (ACS) notificou os órgãos competentes e pediram a interdição do pelotão. A entidade entende que o governador, Reinaldo Azambuja (PSDB), seja notificado a sanar o problema em até 24 horas sob pena de multa diária de R$ 50 mil. A unidade está sem telhado há quase um ano e os policiais são obrigados a improvisarem lonas pretas para se protegerem das chuvas.

Apesar do anúncio de mais de R$ 90 milhões investidos nos últimos três anos na segurança em Mato Grosso do Sul, as corporações ainda lidam com o descaso por parte do governo do Estado. De acordo com o presidente da entidade, Edmar Soares da Silva, o ex-secretário de Justiça e Segurança Pública, José Carlos Barbosa, tomou ciência do fato pessoalmente e prometeu solucionar o problema no ano passado. 

Uma equipe do setor de projetos da Sejusp chegou a vistoriar a unidade, porém, nada foi feito até o momento. “É uma vergonha a Polícia Militar ser exposta a tais condições de trabalho”, criticou Edmar, em ofícios encaminhados à Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Ministério Público Estadual, solicitando a interdição do pelotão.

“Se passaram mais de 300 dias e absolutamente nada foi feito para resolver a questão. Nesta temporada de chuvas, os policiais sobem todos os dias no telhado para improvisar as lonas. Isso quando conseguem essas lonas”, finalizou.










Plantão

.
10/12/2018 - 16:52   Vereadores prometem manter obstrução até cancelamento de eleição ser avaliado
10/12/2018 - 16:51   Moro diz que não cabe a ele dar explicações sobre relatório do Coaf
10/12/2018 - 16:49   Polícia apreende mais de meia tonelada de maconha
10/12/2018 - 16:43   Bolsonaro e Mourão são diplomados no TSE
10/12/2018 - 16:41   Incêndio atinge hotel no Centro de Campo Grande
10/12/2018 - 15:39   AO VIVO: Assista a diplomação do presidente eleito, Jair Bolsonaro
10/12/2018 - 15:21   APAE de Itaporã realiza nos próximos dias 11 e 12 ´Cantada de Natal e visita empresas
10/12/2018 - 15:20   MS é escolhido para monitorar uniformização de produtos da Rede CNI
10/12/2018 - 14:43   Lourdes Struziati parabeniza o município de Itaporã pelos 65 anos
10/12/2018 - 14:00   Sistema Fiems participa de doação simbólica da campanha ´Compartilhe o Natal 2018´
10/12/2018 - 13:40   Faustão faz ‘piada’ do cabelo de ator mirim e é acusado de racismo nas redes sociais
10/12/2018 - 13:20   Governo do estado vai recapear três avenidas de Dourados
10/12/2018 - 13:00   Ministério da Saúde publica edital do Mais Médicos sem pedir revalida para formados no exterior
10/12/2018 - 11:52   CCR MSVia destaca operações pare-e-siga na BR-163/MS
10/12/2018 - 11:20   Serviços e emissão de CNH estão fora do ar e não há previsão de retorno em MS
10/12/2018 - 11:17   Enteado furta carro de padrasto e veículo é encontrado queimado em Campo Grande
10/12/2018 - 11:15   Jovem de 26 anos morre dois dias após ser atropelado na BR-163
10/12/2018 - 11:08   Carros batem de frente e quatro pessoas ficam feridas na BR-267
10/12/2018 - 11:06   Proinf possibilita investimento acima de R$ 2,5 bilhões em todo o Brasil
10/12/2018 - 11:01   Caminhão é preso na BR-163, com 275 mil maços de cigarros
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!