Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2018





Mulher presa por tramar atentado contra promotor deixa prisão



13 de Junho de 2018 - 08:32           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

Depois de ficar um mês presa Maika Luzia Gomes Romão de Almeida, de 21 anos, deixou na manhã desta terça-feira, dia 12 de junho, o presidio feminino de Três Lagoas. 

A jovem foi detida depois de tramar o atentado contra o promotor que teria determinado que ela perdesse a guarda dos três filhos, todos menores de 3 anos, ainda no ano de 2015. Conforme o site JPNews, ela obteve liminar de soltura após habeas corpus impetrado pela defesa dela.

O caso

O Ministério Público acusou a jovem de mau comportamento diante dos filhos e a proibiu de chegar perto deles. As crianças foram levadas a Casa de Acolhimento no bairro Santos Dumont. A jovem também perdeu benefícios sociais. Uma das assistentes sociais chegou a registrar um boletim de ocorrência contra Maika por ameaça de morte, em 25 de julho de 2017.

Em janeiro deste ano, Maika acusou assistentes sociais de maus tratos aos filhos e postou em rede social, fotos de ferimentos, supostamente nas costas das crianças e afirmou que as imagens eram do início do ano de 2017. Um novo B.O. foi registrado contra ela, pela direção do Conselho Tutelar.

Em 26 de fevereiro de 2018, Maika, juntamente com o grupo Mães Unidas fizeram passeata no centro de Três Lagoas, em prol da jovem. No entanto, a prisão da mulher foi motivada depois que próprios familiares da jovem teriam informado que ela “e pessoas de elevada periculosidade" estariam tramando um atentado contra um membro do Ministério Público e seus parentes, justamente pela decisão da justiça de que seus filhos fossem encaminhados a um abrigo.











Plantão

.
13/12/2018 - 10:33   Cardápio saboroso para esta quinta-feira no Restaurante e Choperia Rei dos Espetos
13/12/2018 - 10:01   Cirilo e Pepa são afastados pela Justiça e suplentes assumem hoje
13/12/2018 - 10:00   Operação contra tráfico e roubo termina com cinco presos em Dourados
13/12/2018 - 09:34   PF cumpre mandado de busca em investigação de ameaça a Bolsonaro
13/12/2018 - 09:29   Deputados votam 23 projetos hoje, 14 em regime de urgência
13/12/2018 - 09:00   Vereadores de Itaporã votaram projeto que estabelece Diretrizes de Saneamento Básico no Município
13/12/2018 - 08:50   Artigo: Os diversos papéis das mulheres e a importância da empatia
13/12/2018 - 08:47   3 motivos para fazer o curso técnico em segurança do trabalho do Senai em Nova Andradina
13/12/2018 - 08:39   Para Fiems, reforma do aeroporto de Campo Grande vai fomentar indústria do turismo
13/12/2018 - 08:29   Longen diz que projeto sobre incentivos aprovado na Câmara atrairá mais indústrias para MS
13/12/2018 - 08:24   “Corrida e Caminhada Copasul” reuniu mais de 200 participantes
13/12/2018 - 08:22   Temperaturas vão ficar acima da média histórica entre dezembro e fevereiro
13/12/2018 - 07:59   Geraldo vai assumir a saúde e Murilo a infraestrutura
13/12/2018 - 07:48   Jovem de 15 anos morre ao ser atingida por raio em Amambaí
12/12/2018 - 19:26   Adolescente morre afogado durante banho com amigos em lagoa
12/12/2018 - 19:23   Delegado e vereadora de Itaporã propõe conscientização sobre violência doméstica e sexual
12/12/2018 - 16:52   Encontro discute combate à violência contra a mulher nos municípios de fronteira
12/12/2018 - 16:50   Murilo e Geraldo são cotados para assumir secretarias no governo Azambuja
12/12/2018 - 16:39   Homem rodeado por jacarés é resgatado de riacho em MS
12/12/2018 - 16:05   Catedral de Campinas celebra missa em homenagem às vítimas de ataque
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!