Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Terça-feira, 20 de Novembro de 2018





Justiça determina empresa a realizar leitura periódica de padrões de energia
De acordo com a matéria do MPMS, se a empresa não cumprir, a multa será de R$ 10 mil pela não realização de cada serviço.


14 de Setembro de 2018 - 10:27           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

Justiça determina empresa a realizar leitura periódica de padrões de energia

 
 
O Juiz de Direito Marcel Henry Batista de Arruda acatou em parte, a Tutela de Urgência proposta pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul, que determinava à companhia de energia do Estado, a realizar a leitura periódica dos medidores (padrões) dos consumidores. 

De acordo com a matéria do MPMS, se a empresa não cumprir, a multa será de R$ 10 mil pela não realização de cada serviço. 

A medida é tomada depois que a 25ª Promotoria de Justiça passou a investigar aumentos abusivos nas contas de energias.

Segundo consta no processo, a concessionária produzia o acúmulo de consumo, fazendo com que o usuário recebesse faturas com valores exorbitantes, e estes eram lançados de uma única vez nas faturas do mês posterior à leitura, como consumo daquele mês. 

O MP solicitou a concessão da Tutela de Urgência para cancelar as faturas dos clientes de Campo Grande que foram emitidas com acúmulo dos valores referentes à energia elétrica supostamente consumida durante o período em que se faturou por consumo médio, no prazo de 48 horas, estando vedada a cobrança de multa pelo inadimplemento desta fatura. 

Na Capital

Ainda de acordo com os autos, em Campo Grande, a população tem sido prejudicada com o fechamento de postos de atendimento. Outro fato apontado é de casos onde o consumidor é responsabilizado pela empresa por débitos de terceiros, ou seja, para requerer uma ligação/religação o consumidor é obrigado a quitar débitos de consumo de antigos moradores.

A multa

Em relação à aplicação da multa no valor de R$ 1 milhão por descumprimento, o MPMS solicitou entre outros: que a companhia se abstenha de fechar qualquer polo de atendimento presencial e a restabelecer no prazo de 30 dias, os atendimentos no bairro Moreninhas que encontra-se desativado.

Caso haja consumidores que estejam amparados por esta decisão e a concessionária não cumpra, poderão se dirigir até o Procon ou diretamente na 25ª Promotoria de Justiça.










Plantão

.
06/11/2018 - 10:01   Obras da CCR MSVia na BR-163/MS obrigam a operações pare-e-siga
05/11/2018 - 13:24   Cuidados com as pistas da BR-163/MS têm pare-e-siga da CCR MSVia
22/10/2018 - 07:13   Rosa Weber rebate Eduardo Bolsonaro sobre fechamento do STF
19/10/2018 - 16:47   Em encontro de contadores, Sesi destaca melhoria na gestão de SST com eSocial
19/10/2018 - 16:46   Crianças que renovam o amanhã
19/10/2018 - 08:47   Autoridades devem anunciar medidas para o segundo turno
18/10/2018 - 16:59   Mapa da Autoridade: Por que devemos nos tornar peritos?
08/10/2018 - 09:19   Em 13 estados e em Brasília, haverá segundo turno
30/09/2018 - 12:42   Polícia investiga estupro de vulnerável praticado por adolescente
28/09/2018 - 16:05   Mais de 15% dos candidatos em MS não entregaram declaração parcial à Justiça eleitoral
24/09/2018 - 19:45   Companhia aérea deve indenizar cliente por prática de overbooking
24/09/2018 - 19:45   PF ainda procura 11 integrantes da quadrilha de contrabandistas
24/09/2018 - 19:44   Pesquisa Ibope no Mato Grosso do Sul: Azambuja, 40%; Odilon 29%
24/09/2018 - 19:42   Senai Empresa lança serviço de produção de marketing e moda
24/09/2018 - 19:41   Lei da Ficha Limpa retira 174 candidatos das eleições de outubro
22/09/2018 - 10:57   Sebrae realiza curso sobre gerenciamento de oficinas mecânicas
22/09/2018 - 10:55   Ação conjunta prende cinco Policiais Rodoviários Federais em MS
22/09/2018 - 10:54   Anatel inicia amanhã programa para bloquear celular irregular em MS
22/09/2018 - 10:53   Idoso é preso suspeito de aliciar e estuprar menina de 9 anos
22/09/2018 - 10:51   Concurso elege Miss e Mister Gay Mato Grosso do Sul neste sábado
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!