Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017





Defesa prepara pedido de liberdade de 2 presos pela PF nesta manhã
Investigados tem ligação com Instituto Ícone, de André Puccinelli Júnior que também foi preso na operação


14 de Novembro de 2017 - 11:47           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

O advogado André Borges afirma que pedirá ainda hoje (14) a revogação da prisão de Jodascil Gonçalves Lopes e João Paulo Calves. Os dois foram presos nesta manhã durante a 5ª fase da operação Lama Asfáltica, chamada de Papiros de Lama.

Na ação o ex-governador do Estado André Puccinellie o filho dele, o advogado André Puccinelli Junior foram presos preventivamente. Segundo a PF, o ex-chefe do executivo estadual tinha “papel central” na organização investigada.

O defensor ainda disse que os clientes dele prestar qualquer esclarecer a PF se tivessem sido convidados. “Prisão desnecessária”, considera.

Além das prisões, a Justiça decretou seis mandados de condução coercitiva. A reportagem conseguiu os nomes de quatro pessoas que foram levadas para depor na sede da PF (Polícia Federal) nesta 5ª fase da Lama Asfáltica, batizada de Papiros de Lama: André Luiz Cance, João Maurício Cance, João Baird e João Alberto Krampe Amorim dos Santos.

Operação – Policiais federais chegaram por volta das 6h à casa do ex-chefe do Executivo estadual. Simultaneamente equipes cumpriam mandados na casa e escritório de André Puccinelli Junior, no condomínio Dahma II onde mora Jodascil e em outros endereços dos demais investigados.

Conforme a PF, a operação tem como alvo uma organização criminosa que teria causado R$ 235 milhões em prejuízos aos cofres públicos.

Ainda segundo a Polícia Federal, 24 mandados de busca e apreensão, além do sequestro no valor de R$ 160 milhões das contas bancárias de pessoas físicas e empresas investigadas também foram autorizados pela Justiça.

As medidas estão sendo cumpridas em Campo Grande, Nioaque, Aquidauana e São Paulo (SP), com a participação de mais de 300 policiais federais, servidores da CGU (Controladoria Geral da União) e servidores da Receita Federal.











Plantão

.
22/11/2017 - 21:58   Recapeamento chega as principais ruas dos bairros e centro de Itaporã
22/11/2017 - 17:20   Jovem de 22 anos é indiciado por armazenar pornografia infantil
22/11/2017 - 16:20   Prorrogação de adesão ao Funrural não sai em 2017
22/11/2017 - 16:09   Integrante do Backstreet Boys é acusado de estupro por cantora
22/11/2017 - 16:05   Airton Sandoval apresenta projeto que proíbe horário de verão em todo o país
22/11/2017 - 15:55   Adolescente leva cocaína para escola e acaba apreendido na Unei
22/11/2017 - 15:45   Após briga com Nando, lutador volta a implorar transferência para SP
22/11/2017 - 15:33   Michel Temer adia decisão em nomear Carlos Marun para ministro
22/11/2017 - 14:10   Nova certidão de nascimento facilita registro de padrasto e madrasta
22/11/2017 - 13:50   Governo lança licitações para drenagem e pavimentação de quatro cidades
22/11/2017 - 13:17   Mulheres ganham 16% a menos do que os homens na Europa
22/11/2017 - 13:10   Brasil pede laudos à Rússia sobre irregularidades da carne brasileira
22/11/2017 - 12:50   Nova droga pode impedir ação do HIV-1 no organismo
22/11/2017 - 11:00   Rússia anuncia que suspenderá compra de carne brasileira
22/11/2017 - 10:40   Professor da UFMS é suspeito de assediar alunas no campus da Capital
22/11/2017 - 10:00   Empresas de transporte são autuadas por descumprirem lei da gratuidade
22/11/2017 - 09:40   Mulher espera por atendimento em UPA vazia e filho faz vídeo para reclamar
22/11/2017 - 09:20   Unicamp aprova oportunidades extras para ingresso universitário
22/11/2017 - 09:00   Novo hospital em Corumbá atenderá 10 mil beneficiários
22/11/2017 - 08:40   Árvore cai com ventania e interdita trecho de rua em Campo Grande
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 8171-8561 - Mande um whats!