Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017





‘Não adianta ficar no espírito do faz de conta’, diz Reinaldo sobre reforma da Previdência
Governador afirma que mudanças irão preservar direitos adquiridos


13 de Novembro de 2017 - 15:58           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

‘Não adianta ficar no espírito do faz de conta’, diz Reinaldo sobre reforma da Previdência

 
 

Em entrevista à imprensa, o governador Reinaldo Azambuja deu um recado para quem é contra a reforma da Previdência de Mato Grosso do Sul. Ele afirmou, nesta segunda-feira (13), que não adiantar fingir que não existe um rombo nas contas. O chefe do Executivo entregou resfriadores de leite no Cepaer (Centro de Pesquisa e Capacitação da Agraer), na rodovia MS-010, em Campo Grande.

O governador disse que as mudanças preservam os direitos. Ele afirmou ainda que se a reforma não for aprovada, em “curtíssimo prazo”, poderá haver problemas nos pagamentos de pensionistas e inativos.

“Em curtíssimo prazo poderemos ter problemas em pagamento de pensionistas e inativos. Então, eu acho que isso aí, primeiro, não tira direito de ninguém, unifica os fundos, cria uma estabilidade, dá uma segurança futura para o recebimento, aumenta a alíquota tanto do ativo e inativo como do patronal para a gente atingir o equilíbrio necessário para cumprir com as obrigações. Não adianta a gente ficar no espírito do faz de conta. A pessoa contribui por anos e chega no momento da aposentadoria e muitas vezes não tem o recurso, como está acontecendo em inúmeros estados”, afirmou.

Reinaldo Azambuja declarou ainda que a reforma não foi feita para o governo, mas para o Estado, garantindo a segurança do recebimento da aposentadoria. “Hoje de manhã mesmo vi matérias a nível nacional de quatro grandes estados que não estão conseguindo pagar aposentados e pensionistas. Isso está sendo recorrente. Para que isso não aconteça no futuro em Mato Grosso do Sul estamos fazendo, preservando os direitos, mas criando um equilíbrio previdenciário para a segurança dos próprios servidores”.

A reforma da Previdência já está na Assembleia Legislativa. São dois projetos. A contribuição passará de 11% para 14%, no caso dos servidores, e de 22% para 28%, para a classe patronal. Nos cálculos do governo, com a aprovação dos textos o déficit previdenciário mensal irá cair de R$ 83,7 milhões para R$ 48,6 milhões - número 41% menor. O anúncio do aumento das alíquotas foi recebido com críticas pelos sindicatos dos servidores.


midiamax











Plantão

.
22/11/2017 - 21:58   Recapeamento chega as principais ruas dos bairros e centro de Itaporã
22/11/2017 - 17:20   Jovem de 22 anos é indiciado por armazenar pornografia infantil
22/11/2017 - 16:20   Prorrogação de adesão ao Funrural não sai em 2017
22/11/2017 - 16:09   Integrante do Backstreet Boys é acusado de estupro por cantora
22/11/2017 - 16:05   Airton Sandoval apresenta projeto que proíbe horário de verão em todo o país
22/11/2017 - 15:55   Adolescente leva cocaína para escola e acaba apreendido na Unei
22/11/2017 - 15:45   Após briga com Nando, lutador volta a implorar transferência para SP
22/11/2017 - 15:33   Michel Temer adia decisão em nomear Carlos Marun para ministro
22/11/2017 - 14:10   Nova certidão de nascimento facilita registro de padrasto e madrasta
22/11/2017 - 13:50   Governo lança licitações para drenagem e pavimentação de quatro cidades
22/11/2017 - 13:17   Mulheres ganham 16% a menos do que os homens na Europa
22/11/2017 - 13:10   Brasil pede laudos à Rússia sobre irregularidades da carne brasileira
22/11/2017 - 12:50   Nova droga pode impedir ação do HIV-1 no organismo
22/11/2017 - 11:00   Rússia anuncia que suspenderá compra de carne brasileira
22/11/2017 - 10:40   Professor da UFMS é suspeito de assediar alunas no campus da Capital
22/11/2017 - 10:00   Empresas de transporte são autuadas por descumprirem lei da gratuidade
22/11/2017 - 09:40   Mulher espera por atendimento em UPA vazia e filho faz vídeo para reclamar
22/11/2017 - 09:20   Unicamp aprova oportunidades extras para ingresso universitário
22/11/2017 - 09:00   Novo hospital em Corumbá atenderá 10 mil beneficiários
22/11/2017 - 08:40   Árvore cai com ventania e interdita trecho de rua em Campo Grande
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 8171-8561 - Mande um whats!