Contato: (67) 98186-1999 - Mande um whats!
Home | Notícias | Fotos | Vídeos | Anúncie | Contato

Sábado, 21 de Julho de 2018





Advogado de André Puccinelli, Renê Siufi diz que pedirá habeas corpus
O último mandado de segurança realizado pela PF aconteceu em maio deste ano


14 de Novembro de 2017 - 09:20           principal  |  imprimir - Enviar Materia

 

 
 

O advogado Renê Siufi, contratado para defender o ex-governador, André Puccinelli (PMDB), declarou que ainda não tem informações sobre a ordem de prisão preventiva cumprida no início desta terça-feira (14), durante a quinta fase da Operação Lama Asfáltica, batizada de Papiros de Lama.

"Essa é a terceira vez que eles estão aqui, porém, levaram apenas alguns papéis. Estou indo até a Polícia Federal para me inteirar do que aconteceu e então, entrar com pedido de habeas corpus", argumentou o advogado.

Parte da ação policial foi realizada no condomínio onde vive o ex-governador, no Jardim dos Estados, a fim de cumprir o mandado da Justiça.

A última fase da operação aconteceu em maio deste ano, quando Puccinelli foi conduzido para a Superintendência da Polícia Federal em Campo Grande, e, depois para Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário de Mato Grosso do Sul (Agepen). Na ocasião, o líder do PMDB regional teve que colocar tornozeleira eletrônica. 

INVESTIGAÇÕES

De acordo com a Polícia Federal, as investigações da Lama Asfáltica começaram em 2013 e apontaram existência de esquema de superfaturamento de obras “mediante prática de corrupção de servidores públicos e fraudes a licitações, ocasionando desvios de recursos públicos”. 

As ações tiveram início a partir de três obras: Aterro sanitário de Campo Grande – vencido pela Solurb e a pavimentação da rodovia MS-430 (inaugurada ano passado, ela liga Rio Negro a São Gabriel do Oeste) e Avenida Lúdio Coelho, na Capital.

Esta nova fase da investigação decorre da análise dos materiais apreendidos em fases anteriores, confrontados com fiscalizações, exames periciais e diligências investigativas e, ainda, corroborados por depoimentos de colaboradores, os quais participaram do esquema delituoso. As provas colhidas permitiram ratificar a linha investigativa adotada pela força-tarefa acerca do modo de atuação dos envolvidos.











Plantão

.
20/07/2018 - 19:38   Salpicados por fazendas, pousadas rurais, pontes de madeira: conheça Poconé
20/07/2018 - 19:38   Moradora esquece portão aberto e vira lata ataca criança de 7 anos
20/07/2018 - 19:34   Ex-governador André Puccinelli e filho são levados ao Centro de Triagem
20/07/2018 - 19:14   Mestrado em Sociologia abre processo seletivo para alunos especiais
20/07/2018 - 19:08   Dólar fecha semana abaixo de R$ 3,80, sob influência externa e política local
20/07/2018 - 18:50   Prorrogado prazo para saques do PIS/Pasep ano-base 2016
20/07/2018 - 18:47   Abertas as inscrições para o curso de técnicas de sentença da Esmagis
20/07/2018 - 18:30   Unhas artificiais, em gel ou acrílicas, trazem riscos. Como se proteger
20/07/2018 - 17:33   No aniversário de Gisele Bündchen, Tom Brady posta foto da modelo de biquíni
20/07/2018 - 17:28   “Não muda nada”, dizem lideranças sobre candidatura de André
20/07/2018 - 17:27   Brasil perde 661 vagas com carteira assinada em junho
20/07/2018 - 17:25   Próximo de deixar disputa, pré-candidato fica impedido de realizar propaganda eleitoral via outdoor
20/07/2018 - 17:24   Justiça diz que Puccinelli e filho agiram para esconder documentação
20/07/2018 - 11:00   Ex-segurança de governador vai ser novamente denunciado pelo MPE
20/07/2018 - 10:47   Homem encontrado em estrada foi vítima de agressão, diz delegada
20/07/2018 - 10:45   Bela Vista comemora hoje 110 anos de fundação
20/07/2018 - 10:44   Justiça Federal determinou prisão após ´novas provas´
20/07/2018 - 10:20   Casa de família de vice-prefeito de Coxim é alvo de tiros na madrugada
20/07/2018 - 10:00   Gripe já matou 25 pessoas neste ano em Mato Grosso do Sul
20/07/2018 - 09:58   Puccinelli e filho vão para o presídio ainda hoje, informa Polícia Federal
 
 


















Itapora Agora - Onde a Noticia Acontece

(67) 98186-1999 - Mande um whats!